Está aqui

Joana Mortágua reeleita vereadora em Almada

“Conseguimos manter uma posição e continuamos a ser um fiel da balança e isso, para nós, é um motivo de felicidade”, declarou Joana Mortágua, após ter sido confirmada a sua reeleição de vereadora da Câmara de Almada.
Joana Mortágua foi reeleita vereadora da Câmara de Almada
Joana Mortágua foi reeleita vereadora da Câmara de Almada

Joana Mortágua foi reeleita vereadora da Câmara de Almada, com 6,83% e 4.834 votos. A presidência da Câmara foi ganha de novo por Inês de Medeiros, do PS, com 39,87% e cinco mandatos. A CDU obteve 4 mandatos, com 29,69%. A coligação PSD/CDS elegeu um mandato com 10,71%.

“Conseguirmos manter a vereação em Almada é muito importante para nós, sabíamos que a pressão do voto útil era muito forte, porque aquela tensão PS/CDU era muito forte. Apesar disso, conseguimos manter uma posição e continuamos a ser um fiel da balança e isso, para nós, é um motivo de felicidade”, salientou à agência Lusa Joana Mortágua.

A vereadora reeleita lembrou que a sua candidatura tinha dois objetivos: “derrotar a direita e manter a vereação”.

Questionada pela Lusa sobre a declaração de Inês de Medeiros de que poderá ser mais fácil chegar a acordo com o PSD, Joana Mortágua afirmou que tal não a surpreendia, salientando que “foi por isso que nós em quatro anos fomos tão críticos da gestão do bloco central”.

“Nós entendemos que a gestão da CDU, do PS e do PSD teve muitos pontos de insensibilidade social, falhou muita política social, de habitação, muita política de apoio para enfrentar a crise social”, acrescentou a vereadora bloquista.

Termos relacionados Autárquicas 2021, Política
(...)