João Semedo nunca foi sócio do BPN

26 de novembro 2011 - 15:39

Bloco de Esquerda desmente título de capa do Expresso deste sábado afirmando que o deputado bloquista foi sócio daquele banco numa clínica do Porto.

PARTILHAR
Nem João Semedo nem a Clisssano ou a Clínica da Prelada constituíram qualquer tipo de sociedade com o BPN. Foto de Paulete Matos

O Bloco de Esquerda divulgou um comunicado desmentindo que o deputado João Semedo tenha alguma vez sido sócio do BPN, conforme afirmado em título de primeira página pelo semanário Expresso deste sábado. O título, aliás, é desmentido pelo próprio artigo. Abaixo, o comunicado do Bloco:

1. Em 1994, vinte e cinco médicos – entre os quais João Semedo – reunidos na sociedade Clissano associaram-se à seguradora REAL VIDA SA (esta como sócia minoritária) para abrir a Clínica da Prelada, no Porto. Os sócios (Clissano e REAL) escolheram João Semedo para gerente e diretor clínico da Clínica da Prelada.

2. Em 1999, o BPN comprou a REAL VIDA. João Semedo pessoalmente, a Clisssano de que era sócio ou a Clínica da Prelada não tiveram qualquer participação na operação de compra da REAL VIDA pelo BPN. Nem João Semedo nem a Clisssano ou a Clínica da Prelada constituíram qualquer tipo de sociedade com o BPN como, aliás, se percebe pela leitura da notícia do Expresso que constitui um bom desmentido da própria capa do semanário.

3. No ano seguinte, em 2000, João Semedo deixou a Clínica da Prelada e as funções que exercia, por ter sido nomeado presidente do conselho de administração do Hospital de Joaquim Urbano, hospital do SNS, funções exercidas em exclusividade como é obrigatório por lei. Desde 2000, João Semedo não teve qualquer intervenção na atividade da Clínica da Prelada.