Está aqui

Faleceu Julião Sarmento

Considerado um dos maiores artistas portugueses, Julião Sarmento faleceu esta terça-feira, aos 72 anos, na sequência de um cancro. A sua vasta carreira passou pela pintura, desenho, escultura, fotografia ou vídeo.
Faleceu Julião Sarmento. Fotografia: Wiki Commons

Nascido a 4 de novembro de 1948, Julião Sarmento cresceu em Lisboa. Estudou arquitetura na Escola Superior de Belas Artes de Lisboa entre 1967 e 1974. A sua carreira inicia-se nos anos 1970. Ao longo de mais de 50 anos desenvolveu um trabalho notável nas artes plásticas, tendo realizado diversas exposições individuais e coletivas. 

Em 1997, Julião Sarmento representou Portugal na Bienal de Veneza, onde esteve também em 1980 e 2001. Participou nas Documentas 7 e 8 e na Bienal de São Paulo de 2002. Esteve na Alternativa Zero (1977), comissariada por Ernesto de Sousa. Foram várias as importantes exposições retrospetivas da sua obra, entre as quais as decorridas no Witte de Witte (Roterdão, 1991), no Museu Reina Sofia (Madrid, 1992), na Fundação Calouste Gulbenkian (Lisboa, 1993, 2000), e no Museu de Serralves (Porto, 2012-2013). Julião Sarmento estava a preparar uma exposição para o Museu Berardo, prevista para 2022, com curadoria de Catherine David. 

Em outubro de 2020, Julião Sarmento esteve no programa “Fala Com Ela”, na Antena 1, a propósito da publicação do livro de fotografias “Café Bissau”, coligido por José Pedro Cortes e André Príncipe. Naquela que - sabemos agora - seria uma das suas últimas entrevistas, Inês Meneses apresentou-o como “um dos tais que deixará um rasto imenso e que sabe que será lembrado”. 

 

Termos relacionados Cultura
(...)