Está aqui

Boris Johnson internado nos cuidados intensivos

Agravamento do estado de saúde obrigou o primeiro-ministro britânico a ser transferido para um hospital londrino. Boris Johnson indicou o seu ministro dos Negócios Estrangeiros para o substituir.
Boris Johnson chairs the morning Covid-19 Meeting
Foto de Number 10/Flickr

No início da noite desta quinta-feira, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, deu entrada na unidade de cuidados intensivos do hospital onde se encontra internado. Boris, de 55 anos, já tinha sido admitido no Hospital St. Thomas, em Londres, no domingo, devido à persistência de sintomas da infecção pela covid-19.

O número 10 de Downing Street anunciou, através de um porta-voz, que o estado de saúde do primeiro-ministro “piorou e, a conselho da sua equipa médica, foi transferido para a unidade de cuidados intensivos do hospital”.

Durante a tarde, Boris ainda publicou uma mensagem no seu Twitter afirmando que continuava de boa disposição e em contacto com a sua equipa, trabalhando para combater o vírus e manter toda a gente segura. Numa outra publicação relacionada, não deixa de elogiar os profissionais de saúde do Serviço Nacional de Saúde Britânico, que tratam dele e de todas as pessoas em dificuldades neste momento.

Apesar do agravamento da sua condição, Boris ainda se mantém aos comandos do Governo Britânico. No entanto, o mesmo porta-voz de Downing Street anunciou que o primeiro-ministro já indicou o actual ministro dos Negócios Estrangeiros, Dominic Raab, para o substituir quando fosse necessário.

Pouco depois do anúncio de Downing Street, Dominic Raab dava declarações à BBC, para afirmar que todos os ministérios irão continuar a trabalhar para continuar os planos estabelecidos anteriormente.

 

Termos relacionados Covid-19, Política
(...)