Está aqui

25 mil assinaram petição pela urgência da nova ala pediátrica no hospital de S. João

Os signatários querem ver desbloqueado o processo e que comecem as obras de construção o quanto antes.
Foto de José Coelho/Lusa.

O abaixo-assinado partiu da iniciativa do movimento cívico informal “Pelo Joãozinho” e já reuniu 25 mil assinaturas, disseram os organizadores à agência Lusa. Entre os subscritores estão o arquiteto Álvaro Siza Vieira, a cientista Maria de Sousa, o médico Manuel Sobrinho Simões, o presidente do FC Porto, os artistas e escritores Carlos Tê, João Bicker e Manuela Espírito Santo e o bastonário da Ordem dos Médicos.

Os peticionários reclamam do governo as ações necessárias para desbloquear o processo e iniciar de imediato as obras planeadas pelo hospital de São João há dez anos.

“Ninguém quererá que a nova ala pediátrica do Hospital São João, já dotada de financiamento, possa eternizar-se sem qualquer avanço. Os dez anos que leva de instalações precárias em contentores adaptados para três anos de vida são muito tempo”, lê-se no documento.

Esta semana, o Bloco de Esquerda apresentou uma proposta de alteração ao Orçamento do Estado para 2019, de forma a que a administração do hospital fique automaticamente autorizada a usar a verba já disponível para a nova ala pediátrica logo após a entrada em vigor do Orçamento.

A proposta foi anunciada pelo deputado bloquista Moisés Ferreira durante o debate orçamental na especialidade, que contou com a presença da nova ministra da Saúde, Marta Temido.

Termos relacionados Sociedade
(...)