Marega, jogador do Porto abandonou o campo por ser vítima de cânticos racistas

16 de Fevereiro 2020

Moussa Marega, jogador do Futebol Clube do Porto, foi vítima de cânticos racistas no decorrer do jogo deste domingo entre esta equipa e o Vitória de Guimarães. O jogador do Mali decidiu abandonar o campo, tendo pedido para ser substituído. Catarina Martins, no Twitter, demonstrou a sua solidariedade para com o jogador.

Eutanásia, direito a morrer com dignidade

Se alguma coisa mudou não foi a qualidade do debate sobre a morte assistida, foi apenas o oportunismo político de alguns.

Bernie Sanders
Internacional

"Bernie é a verdadeira escolha feminista"

16 de Fevereiro 2020

Somos feministas e vamos votar em Bernie Sanders. Na verdade, apoiamos Sanders precisamente porque somos feministas. Por Nancy Fraser e Lisa Featherstone.

Manifestação contra a extrema-direita em Erfurt. Fevereiro de 2020.
Internacional

Polícia alemã desmantela rede de extrema-direita prestes a cometer atentados

16 de Fevereiro 2020

A polícia federal alemã prendeu esta sexta-feira 12 suspeitos de planear ataques contra políticos, refugiados e muçulmanos. Faziam parte de um grupo chamado “Der harte Kerne”. No dia seguinte, como estava marcado, milhares de pessoas saíram às ruas de Dresden e de Erfurt para dizer não a “pactos com os fascistas”.

Cartaz na caravana contra as multinacionais, uma iniciativa dos sindicatos da Colômbia em julho de 2014.
Artigos dossier

Liberalismo e neoliberalismo

9 de Fevereiro 2020

“O liberalismo é o outro nome da utopia capitalista, ou seja, da distopia capitalista para os subalternos”. Publicamos aqui em conjunto duas entradas, uma sobre liberalismo e outra sobre neoliberalismo, elaboradas pelo economista João Rodrigues para o Alice Dictionary do CES da Universidade de Coimbra.

Manifestação anti-racista em Milão
Internacional

Itália: os frutos amargos das vicissitudes da esquerda

16 de Fevereiro 2020

Neste artigo, o ex-senador da esquerda italiana Franco Turigliatto descreve a situação política italiana atual no contexto da crise económica e dos ataques contra os direitos dos trabalhadores e migrantes que ocorreram nos últimos anos.

 
A nova vaga de partidos de extrema-direita tem aspeto e política económica diferente das anteriores. Agora, grande parte, é descomplexadamente liberal no seu programa, servindo dessa forma os interesses dos mais poderosos economicamente. Como o prova o Chega em Portugal. Dossier organizado por Carlos Carujo.

A nova extrema-direita soma liberalismo a autoritarismo. Chega, Vox, Salvini assemelham-se nisso. O mapa das extremas-direitas na Europa é complexo. Mas as que estão no governo têm em comum defender os interesses das elites económicas contra os trabalhadores. Louvam Trump, autor de uma reforma fiscal em benefício dos mais ricos, e Bolsonaro que ataca os pobres. Por outro lado, o caráter autoritário do próprio liberalismo merece análise de Jaime Pastor, Fernando Rosas, Francisco Louçã, João Rodrigues e Marilena Chauí.

Ler Mais

Opiniões

Democracia sem ponto

Foi nas salas dos nacionais - São João, no Porto, e Dona Maria, em Lisboa - que aprendi a ver teatro.

A palavra é sofrimento

Uma síntese do que se escreveu quando já nada mais há a dizer. Morrer não é só uma fatalidade quando morrer é quase uma obrigação. É dignidade pelo livre arbítrio e pela escolha individual, o fim de um sofrimento atroz.

Animais em investigação: "Dinamizar debate de métodos de experimentação alternativos"

A Comissão para a proteção dos animais utilizados para fins científicos deve levar a sério as incumbências que lhe ficaram definidas por lei e portaria, as propostas que fazemos devem trabalhar nesse mesmo sentido de rigor e credibilidade.

Sociedade

Despenalização do aborto: balanço e desafios

12 de Fevereiro 2020

Ao contrário do que anunciavam os arautos do fim do mundo, não só nada piorou, como estão a diminuir consistentemente, ano após ano, as interrupções voluntárias da gravidez. A despenalização, a 11 de fevereiro de 2007, trouxe sim mais acompanhamento, mais saúde e mais segurança. E mais planeamento familiar. Por Mariana Carneiro.

Alain Badiou em março de 2009.
Cultura

Badiou, o filósofo comunista contra “o amor securitário”

14 de Fevereiro 2020

Quando um velho filósofo comunista se depara com a sua cidade cheia de anúncios de um site de encontros o que pensa disso? Este é a provocação inicial de que parte o livro “O elogio ao amor” de Alain Badiou de que traduzimos um excerto em que defende que “é preciso reinventar o risco e a aventura, contra a segurança e o conforto”.

Ocre Filipe Raposo
esquerda.radio

Filipe Raposo n' Os Cantos da Casa

7 Fevereiro

Companhia do Canto Popular ― Rebento, 2019.

Stereossauro ― Bairro da Ponte, 2019.

José Afonso ― Como se fora seu filho, 1983.

Filipe Raposo ― Ocre, 2019.

Rui David ― Contraluz, 2019.

Edição nº 320, de 7 de fevereiro de 2020

Quatro e Vinte

Ex-presidente do Infarmed soma empregos na indústria da canábis

4 Fevereiro

Em outubro, Eurico Castro Alves foi contratado para a direção da Symtomax. Esta semana foi contratado para o conselho consultivo da canadiana EXMCeuticals, a quem ajudou a conseguir a primeira licença concedida pelo Infarmed para investigação da canábis.

Alta Voz

"Traição", José Luís Peixoto

20 Janeiro

Ouve aqui o podcast do conto "Traição", de José Luís Peixoto, lido por Ana Bárbara Pedrosa.

Fotogaleria

625749654914315

parlamentos

O voto de pesar da fundadora, dirigente e deputada do Bloco de Esquerda à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores foi esta sexta-feira aprovado por unanimidade.

Dossier

O acordo pós-eleitoral com o PS na Câmara de Lisboa permitiu ao Bloco ter pela primeira vez responsabilidades executivas na gestão da capital nas áreas da Educação e Direitos Sociais. O que foi feito e o que mudou na primeira metade deste mandato? Dossier organizado por Luís Branco e Rodrigo Rivera.

Ler mais

Ouve aqui o podcast do debate "Os refugiados estão a invadir-nos?", com Miguel Duarte (Hubb - Humans Before Borders), realizado a 10 de dezembro de 2019 no Com Calma - Espaço Cultural, Lisboa.

Agenda

17 Fevereiro

Com apresentação por Ana Sofia Souto. Ver evento de facebook.
Lisboa, Tigre de Papel - Rua de Arroios, 25, 18h30.

Este jantar é constituído por dois momentos culturais. Num primeiro momento, a atriz Christiane de Macedo e o ator Marques d´Arede serão os porta-vozes das próprias palavras de Alípio de Freitas a que acrescentarão poemas de poetas brasileiros e portugueses que ele muito mais amava. Num segundo momento, ouviremos a música de excelência de Carlos Paredes, através da guitarra de Nuno Cadete e da viola de Nuno Correia. Marcações por pagamento, até 13 fevereiro às 19h. Mais informações.
Lisboa, sede da AJA Lisboa – Rua de São Bento 170, 19h.

Subscrever Newsletter