EUA passam a apoiar o levantamento das patentes das vacinas contra a covid-19

5 de Maio 2021

Face à crescente pressão internacional e o agravamento da pandemia na Índia e nos países mais pobres, a administração Biden mudou de posição. Os eurodeputados do Bloco já tinham questionado a Comissão Europeia sobre a posição que assumirá na Organização Mundial do Comércio.

Mariana Mortágua - Foto esquerda.net
Política

“É indigno que a administração do Novo Banco atribua bónus a si própria”

5 de Maio 2021

Mariana Mortágua salientou que o banco continua a apresentar prejuízos e a pedir “avultadas injeções de capital” ao Estado, através do fundo de resolução. E apontou que “este bónus não deve ter lugar”.

Manifestantes em Bogotá. Foto de Carlos Ortega/EPA/Lusa.
Internacional

Colômbia: Duque recuou na legislação mas avançou na repressão

5 de Maio 2021

O presidente colombiano recuou na polémica reforma fiscal mas as manifestações continuaram, exigindo também a retirada do projeto de lei que privatiza a saúde. A repressão causou pelos menos 19 mortos, 800 feridos e há 87 pessoas desaparecidas.

Lápis e agulha. Foto de Peter Toporowski/Flickr.
Sociedade

45 mil trabalhadores das escolas estão por vacinar

5 de Maio 2021

A Fenprof exige a marcação de outro fim-de-semana de vacinação. Há professores que ameaçam meter baixa se a situação não for resolvida. E há já vários que se queixaram à Provedoria.

Política

Teletrabalho: “Regulação atual é frágil e não protege quem trabalha”

5 de Maio 2021

José Soeiro apresentou no Parlamento o projeto do Bloco de Esquerda para conferir maior proteção e direitos aos trabalhadores em teletrabalho e minorar os riscos decorrentes deste regime.

Quatro e Vinte

Itália: “Absolvição histórica” relança debate sobre legalização da canábis medicinal

4 Maio

Este é um dos temas em destaque nesta edição do podcast quinzenal de notícias canábicas, que traz também novidades de Espanha, EUA, Reino Unido, Suíça e Uruguai.

Opiniões

Os mamarrachos de S. Vicente

Este governo regional já autorizou mais 622 camas, todas na ilha de São Miguel! Será ganância ou loucura?

Já não tenho medo do vírus, tenho medo de perder a casa

A crise habitacional é agora e não faz sentido ter uma política que quer travar a especulação e que depois entrega casas para rendas especulativas. É o que acontece com o Programa de Renda Acessível versão PPP, em Lisboa.

O que nos une. E um enorme obrigado

Enquanto alguns procuram o ódio e a divisão, eu prefiro dedicar este texto ao que nos une, a uma das maiores realizações que alcançamos enquanto país: o Serviço Nacional de Saúde.

Política

STOP Precariedade, STOP Pobreza, conheça o programa da Contra-cimeira

2 de Maio 2021

Um roteiro pelo lado B do Porto, cinema, contacto com pessoas em situação de sem-abrigo, debates sobre trabalho em plataformas e precariedade, justiça económica e trabalho com direitos, lutas pela igualdade e erradicação da pobreza e um comício com José Soeiro, Heinz Bierbaum, Catarina Martins e Sérgio Aires fazem parte do evento.

Alta Voz

O manifesto e o resto

3 Maio
Quando tinham 29 e 27 anos, Marx e Engels escreveram um texto que marcou a vida de milhões de trabalhadores. O Manifesto é uma força material e uma bandeira de emancipação explica Luís Fazenda num texto lido por Carlos Carujo.
Entrevista

Da Compaixão - Chove e Sol em Paris: “Um texto revelador dos nossos dias”

3 de Maio 2021

A peça centra-se em duas mães coragem. Em Paris, Fátima, mãe do autor de um atentado suicida, visita Sophie, a mãe de uma das suas vítimas. O Esquerda.net falou com São José Lapa, Rita Ribeiro, Paula Guedes e Inês Lapa Lopes sobre este espetáculo com estreia marcada para 6 de maio. Por Mariana Carneiro.

Convocar a História

Conceito de trabalho

5 Maio

A versão clássica e dualista (produtivo/reprodutivo) do conceito de trabalho serve-nos para descrevermos, interpretarmos e transformarmos a realidade ou precisamos de reconfigurar o conceito de trabalho? Conversa com José Nuno Matos, conduzida por Fernando Rosas e Andrea Peniche.

 

Política

Louise Michel e os 150 anos da Comuna de Paris

2 de Maio 2021

Louise Michel foi uma das figuras-chave da Comuna de Paris, esses 72 dias de revolução, de poder do povo e de verdadeira democracia, reprimida com sangue pela oligarquia. No livro “Mémoires”, dá o seu testemunho de lutadora incansável pelas causas emancipatórias do seu tempo. Por Álvaro Arranja.

Os Cantos da Casa

Cardo-Roxo n' Os Cantos da Casa

23 Abril

Cardo-Roxo ― No Monte das Oliveiras, 2019.

Grafonola Voadora & Napoleão Mira ― Lugar nenhum, 2020.

Vitorino ― Leitaria Garrett, 1984.

Open Mind Ensemble ― Open Mind, 2020.

Gohu ― Terra da faina, 2020.

Edição nº 345, de 23 de abril de 2021

Beatriz Gomes Dias discursa na sessão comemorativa do 25 de Abril. Foto de António Cotrim/Lusa.
Política

“A corrupção mina a democracia, corrói a justiça e ameaça a coesão social”

25 de Abril 2021

Na sessão comemorativa do 25 de Abril, Beatriz Gomes Dias considerou a democracia “o mais essencial dos bens comuns de um povo”, sublinhando que esta “não está à venda” e que é preciso lutar por ela “todos os dias”.

Afinal quantas fundações são?

parlamentos

Mariana Mortágua interrogou um dos maiores devedores do Novo Banco. Como é costume nas comissões de inquérito, Moniz da Maia não tem a certeza de nada, nem se recorda de nada. Quando lhe dizem que é obrigado por lei a dizer a verdade, recupera subitamente a memória.

Fotogaleria

Fotos de Rafael Medeiros

Dossier

Os fundos da resposta europeia foram anunciados como uma "bazuca". Mas muitos países temem que ela venha a ter um efeito de ricochete, ao fazer regressar a austeridade como receita para controlar a dívida que irão acumular. Dossier organizado por Luís Branco.

Ler mais
Boicotar o Apartheid e a tecnologia. Foto de Outras Palavras.
Internacional

A tecnologia e as lutas anticoloniais

1 de Maio 2021

Na Argélia, o uso da rádio de onda curta deu voz à revolução. Na África do Sul, houve um comité insurgente para uso popular da tecnologia. A busca da emancipação passou também pela apropriação da tecnologia. Por Sophie Toupin.

Primavera Árabe. Foto de DIY/Flickr.
Internacional

Banco Mundial não antecipou Primavera Árabe e continua políticas que a geraram

1 de Maio 2021

Quando analisamos as posições tomadas pelo Banco Mundial para explicar a Primavera Árabe, percebemos que persiste em defender a ideia de que um aumento da desigualdade é uma coisa boa para o desenvolvimento. Por Eric Toussaint.

A Human Rights Watch (HRW) denunciou que as autoridades de Israel estão a cometer crimes de apartheid e de perseguição, 27 de abril de 2021 – Foto da HRW
Internacional

Políticas abusivas de Israel constituem crimes de apartheid, diz a HRW

28 de Abril 2021

Num relatório agora divulgado, a Human Rights Watch denunciou as políticas que "concedem aos israelitas judeus os mesmos direitos e privilégios onde quer que vivam, enquanto discriminam os palestinianos em vários níveis onde quer que vivam". E aconselha os restantes países a reavaliarem o seu envolvimento com Israel, em vez de se focarem apenas no "estagnado processo de paz".

Agenda

6 Maio

Iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa. Os espaços do festival são o Teatro Municipal São Luiz, o Cineteatro Capitólio, o Museu da Farmácia e o Cinema Ideal, para além das ruas, largos e praças da Lisboa antiga. Conheça toda a programação aqui.

Reservas de Bilhetes Tlm. 91 999 12 13.
Lisboa, Teatro Meridional - Rua do Açúcar, Beco da Mitra Nº64. Quarta-feira a sexta-feira às 20h00, sábado, domingo e feriados às 11h00 (aconselhamos confirmação no site).

Com Nádia Yracema “Artista mo(nu)mento”, Kalaf Epalanga “A importância de criar um Museu da Kizomba” e José Baessa de Pina (Sinho) “Como construir comunidade nos subúrbios de Lisboa”. Moderação: Marta Lança. Iniciativa integrada no ciclo de debates “Memorializar e Descolonalizar a Cidade (Pós)Colonial”. Debate online das 18h às 20h no Zoom (link de acesso brevemente disponível na página do evento) e transmissão em re-mapping.eu, no site do Teatro do Bairro Alto / EGEAC (5 e 7 de maio) e nas redes sociais.

Ver evento de facebook.
6 maio a 16 maio 2021 - qui: 19h; sex: 19h; sáb: 11h; dom: 11h no Teatro Taborda – Rua Costa do Castelo, 75.

Texto: A partir de “Animal Farm”, de George Orwell. Bilhetes: Ticketline / See Tickets
Agualva-Cacém, AMAS - Auditório Municipal António Silva, 21h.

Com Filipe Duarte Santos (Coordenador do Grupo de Trabalho do Litoral), José Manuel Pureza, (Deputado do BE), Ana Paula Russo (Autarca da Freguesia da Marinha das Ondas) e Manuel Nada (Presidente da Junta de Freguesia da Marinha das Ondas), moderada por Cristina Matos e Rui Curado Silva (Concelhia do Bloco da Fig. da Foz). Ver cartaz.
Promovida pela Comissão Concelhia do Bloco da Figueira da Foz, pelas 21h30.

Subscrever Newsletter

Ouve aqui a conversa sobre gentrificação das cidades com Susana Constante Pereira e Maria Manuel Rola. Esta conversa teve lugar no âmbito da edição de 2019 do Fórum Socialismo.