Está aqui

França Insubmissa marcha neste sábado contra o “golpe de Estado Social”

O núcleo Europa do Bloco de Esquerda participa na manifestação, em luta pela defesa dos direitos laborais e "contra o retrocesso social que Macron e o seu governo estão a impor".
Marcha contra o golpe de Estado Social promovida pela França Insubmissa, Paris, 23 de setembro de 2017
Marcha contra o golpe de Estado Social promovida pela França Insubmissa, Paris, 23 de setembro de 2017

Em comunicado de imprensa, o núcleo Europa do Bloco de Esquerda anuncia que vai participar neste sábado, 23 de setembro, na marcha contra o golpe de Estado Social de Macron, respondendo ao apelo da França Insubmissa.

O documento anuncia que dois membros do secretariado do Bloco de Esquerda França juntar-se-ão, em representação do partido, à comitiva da França Insubmissa e dos seus convidados internacionais e aponta que, “com esta participação”, pretendem “lutar pela defesa dos direitos laborais em França ao lado das forças políticas e sociais progressistas e contra o retrocesso social que o presidente Macron e o seu governo estão a impor”.

A manifestação da França Insubmissa tem início às 14h na Praça da Bastilha em Paris.

Em artigo publicado na sua página, Jean-Luc Mélenchon considera que o momento atual em França é decisivo para mobilizar as pessoas e combater o “golpe de Estado Social” de Macron e da sua maioria.

“Todo o Estado Social está debaixo de fogo. Tudo vai ser atacado ao mesmo tempo. Direito do trabalho, pensões de reforma, habitações. Tudo”, afirma Mélenchon, apontando que, por isso, “a convergência das lutas é uma questão essencial da relação de forças a construir”.

O líder da França Insubmissa salienta que nesta manifestação de 23 de setembro, a marcha não é em defesa de “corporações” ou “gerações”. “Todos estão lá ao mesmo tempo”, afirma Mélenchon, sublinhando que só assim se “ajuda” a atual relação de forças e se “prepara” o que pode ser construído por toda a sociedade.

Evento da Marcha da França Insubmissa . Mais informação em marche23septembre.fr e lafranceinsoumise no facebook.

 

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Política

Adicionar novo comentário